Siga meu blog por e-mail!

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Passaremos a eternidade apenas cantando???

Uma coisa que é muito falada em muitos lugares (incluindo minha igreja) acerca da nossa eternidade com Cristo é que nós seremos um grande coral, cantando eternamente para Cristo. Muitos alegam que, uma vez que uma de nossas principais funções, a evangelização, não será mais necessária, pois tudo estará cumprido (incluindo o plano de salvação) e não haverá mais necessidade de pregações, então o que nos restará fazer é louvar... Louvar o tempo todo...

Antes de mais nada, não me levem a mal. Eu canto em um coral da minha igreja e gosto disso. Além disso, acho muito bonito os vários corais, especialmente os evangélicos, que existem pelo mundo. Suas apresentações costumam ser bonitas, prazerosas de se ouvir e, porque não dizer, abençoadas (quando são cantados hinos para Cristo). Feito este "adendo", continuarei com o meu ponto...

Antes de mais nada, o que é o louvor? Louvor é nada mais nada menos do que uma forma de se exaltar algo ou alguém, atribuindo-lhe mérito. No caso de um servo de Deus, o louvor é associado (ou deveria ser) a Deus como uma das várias formas de adoração. Sim, adorar e louvar são conceitos distintos: enquanto que louvor é um tipo de adoração, a adoração engloba todas as formas que temos para exaltar a grandeza e superioridade de algo (no caso, de Deus). O louvor é só uma delas...

O louvor é essencialmente associado ao canto, porém ele é muito mais do que isso. Se você escreve uma poesia para Deus, onde você o adora, isto pode ser considerado louvor. Se você faz uma apresentação teatral, reproduzindo, por exemplo, um dos fatos históricos da Bíblia, tendo o cuidado de exaltar a Deus, você (e, teoricamente, todos os atores da peça) está louvando a Deus. Ou seja, o louvor é muito mais amplo do que as pessoas pensam..

Agora, posso chegar aonde queria... As pessoas frequentemente associam a nossa eternidade a um grande coral adorando a Deus. Eu não discordo que passaremos a eternidade adorando a Deus, até porque nós já o fazemos hoje, de forma imperfeita, mas fazemos. Porém, há uma diferença grande entre adorar e louvar e, mesmo no termo louvar, encontramos múltiplas formas de se fazê-lo, sem que necessariamente precisemos cantar algo. Como passaremos a eternidade adorando a Deus, então louvor é apenas uma parte de nossa vida na eternidade. Com certeza tem muito mais coisas a serem realizadas. Porém, em todas nós estaremos adorando a Deus, visto que a Bíblia demonstra como a vida do servo de Deus também serve como adoração a Deus.

Outro ponto que me leva a discordar desta visão é que eu creio em um Deus infinito e todo poderoso. Eu não consigo imaginar Deus, depois de tanto tempo preparando o mundo.. não, o universo para os eventos dos fins dos tempos e a rendenção de seu povo, iria reduzir a vida eterna de seus servos a serem apenas... um grande coral! Como eu disse antes, não tenho nada contra corais, pelo contrário, os admiro, mas, convenhamos, o "currículo" de Deus é extremamente extenso para se reduzir seus planos a algo medíocre como isso. Além disso, um versículo da Bíblia deixa claro que os planos de Deus para a eternidade são MUITO mais extensos do que possamos imaginar:

1 Coríntios 2:9- Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os que o amam.

Deus está infinitos passos a nossa frente em todas as coisas. Ele sabe tudo e pode tudo. Sabendo disso, podemos imaginar que Deus nos reserva muito mais coisas do que possamos imaginar. O que seriam estas coisas? Não sei, mas um dia saberemos, quando Ele vier nos buscar. Para isso, devemos estar preparados, adorando a Deus de todas as formas que pudermos! :)

Um último ponto a destacar é que o Apocalipse relata que, após os eventos da Grande Tribulação, Deus criará novos céus e nova Terra. Se Deus criará uma nova Terra e, supostamente, iremos morar no "céu", porque ele iria nos deixar apenas cantando no céu para Ele??? Se ele irá recriar a Terra, eu tenho certeza de que Ele tem a intenção de que a Terra seja desfrutada. Por quem? Nós!

Bom, é isso. Espero que este texto possa ter abençoado sua vida e estou aberto a eventuais comentários, desde que sejam construtivos e/ou respeitosos.. :)

4 comentários:

Ana claudia Stelet Moreno da Silva disse...

Olá! Graça e Paz. passando para conhecer seu espaço e parabenizá-lo pelos bons conteúdos. Que seu fim de semana seja de muitas conquistas e rico em esperança naquele que nunca nos deixará frustrados. Se quiser nos visitar será uma alegria.
blogdamulhercrist.blogspot.com

Eliane Alves disse...

OLÁ AMADO!

JÁ ESTÁ DISPONÍVEL NO MEU BLOG: "INIMIGOS DA ADORAÇÃO - PARTE 2". VOCÊ É MEU CONVIDADO ESPECIAL PARA LER, COMENTAR, E DEIXAR SUAS CONSIDERAÇÕES!
GRANDE ABRAÇO, ÓTIMA SEMANA!!!

Alexandre Pitante disse...

Paz do Senhor,

Parabéns, pelo seu trabalho neste blog. Que Deus em Cristo Jesus continue lhe abençoando poderosamente.

Estou seguindo o vosso blog.

Aproveito pra lhe convidar a visitar meu blog também. Avivamento pela Palavra é um blog voltado aos amantes da Bíblia sagrada como Verdade Absoluta e que só através Dela seremos mais crentes e mais cheios do Espirito Santo. Comente, pois seus comentários são muito importante para mim poder estar sempre em melhorias no meu blog.

http://www.alexandrepitante.blogspot.com/

Siga-nos também.

Fica com Deus.
Abraço em Cristo, Alexandre Pitante.

Daladier Lima disse...

Outro ponto interessante é que muitos dizem que perguntas sem respostas hoje, serão feitas a Cristo no Céu. Eu digo o seguinte: quando chegarmos lá as tais coisas inefáveis surtirão tal efeito sobre nós que as perguntas perderão o sentido.

Estou te seguindo também!